76% dos 50 melhores deputados do Ranking dos Políticos foram reeleitos

O percentual de reeleição para os deputados bem classificados pelo Ranking foi 50% maior do que para os demais parlamentares

38 dos 50 deputados federais brasileiros com melhor colocação parlamentar, listados pelo Ranking dos Políticos, no atual mandato, conseguiram reeleição à Câmara. Ao todo, foram cerca de 5.440.000 votos válidos.

Segundo o DIAP – Departamento Intersindical de Assessoria Parlamentar, 407 deputados federais disputaram a reeleição. Deste total, os 50 candidatos que estavam com melhor avaliação no Ranking dos Políticos tiveram um índice de reeleição de 76%, enquanto a reeleição dos demais parlamentares foi de apenas 50%. Confira a lista abaixo:

PEDRO CUNHA LIMA PSDB PB
EDUARDO BARBOSA PSDB MG
RUBENS BUENO PPS PR
SANDRO ALEX PSD PR
MIGUEL LOMBARDI PR SP
VANDERLEI MACRIS PSDB SP
CELSO MALDANER MDB SC
MARCIO ALVINO PR SP
CARLOS SAMPAIO PSDB SP
CÉLIO SILVEIRA PSDB GO
LUIZ NISHIMORI PR PR
DANIEL COELHO PPS PE
CAPITÃO AUGUSTO PR SP
LEANDRE PV PR
NILSON PINTO PSDB PA
BILAC PINTO DEM MG
JOAQUIM PASSARINHO PSD PA
EVAIR VIEIRA DE MELO PP ES
HILDO ROCHA MDB MA
JERÔNIMO GOERGEN PP RS
SHÉRIDAN PSDB RR
ONYX LORENZONI DEM RS
MARIANA CARVALHO PSDB RO
VITOR LIPPI PSDB SP
CARLOS GOMES PRB RS
MILTON MONTI PR SP
TEREZA CRISTINA DEM MS
JOÃO CAMPOS PRB GO
EDUARDO BOLSONARO PSL SP
WALTER ALVES MDB RN
DOMINGOS SÁVIO PSDB MG
LUCAS VERGILIO SD GO
DIEGO GARCIA PODE PR
JÚLIO CESAR PSD PI
ROGÉRIO PENINHA MENDONÇA MDB SC
CARMEN ZANOTTO PPS SC
SERGIO SOUZA MDB PR
STEFANO AGUIAR PSD MG

Vale lembrar que a classificação leva em consideração fatores como presença em sessões plenárias, gastos da cota parlamentar, processos judiciais e a atuação legislativa. A última lista foi fechada em 15 de agosto e avaliou a atuação de todos os parlamentares desde fevereiro de 2015.

Como são eleitos deputados federais, estaduais, e vereadores? Entenda o voto proporcional

“Os números comprovam que a população está mais atenta ao desempenho dos parlamentares e utilizaram a plataforma para pesquisar antes de votar. Ficamos felizes com o resultado, pois um dos objetivos do Ranking é justamente que aqueles que fazem um bom trabalho no Congresso tenham reconhecimento. Nosso portal ajuda as pessoas a fazer essa separação entre o joio e trigo”, afirma Renato Dias, diretor-executivo da ONG.

Ainda de acordo com Dias, a taxa de renovação do Congresso como um todo ficou acima das expectativas, acima de 50%. Ele lembra que historicamente o número de novos nomes costumava ficar abaixo desse número, caso da eleição de 2014, com 47% de renovação, e 2010, com índice de 44%. “Esse aumento mais acentuado é explicado pelo surgimento de novas lideranças e partidos. O número foi maior do que as projeções iniciais, grande parte pode ser creditada ao fenômeno Jair Bolsonaro, uma vez que muitos candidatos apoiados por ele acabaram sendo eleitos”.

Artigo: Fora da Lei não há salvação!

Na contramão dos melhores avaliados nacionalmente os parlamentares que se encontram nas últimas posições na avaliação da ONG e que não conseguiram se reeleger, são eles Roméro Jucá (MDB/RR), Eunício Oliveira (MDB/CE), Valdir Raupp (MDP/RO), Vanessa Grazziotin (PCdoB/AM), Lindbergh Farias (PT/RJ), Cristiane Brasil (PTB/RJ), Sarney Filho (PV/MA), Roberto Requião (MDB/PR), Edison Lobão (MDB/MA) entre outros

%d blogueiros gostam disto: